Se cuida, Corolla: BYD prepara sedã híbrido com maior autonomia

0
11
se-cuida,-corolla:-byd-prepara-seda-hibrido-com-maior-autonomia
Se cuida, Corolla: BYD prepara sedã híbrido com maior autonomia

A BYD segue com a intenção de incomodar bastante as marcas tradicionais do mercado em todos os países onde atua. Neste final de semana, um flagra divulgado pelo site CarsNewsChina mostra que a BYD está preparando mais uma versão do sedã médio Qin Plus, que deverá ser chamada de Qin “L”.

BYD SEAL elétrico com 531cv custa MENOS DA METADE de um Tesla Model 3 Performance e Audi E-tron GT, Veja o vídeo!

O sedã que aparece em parte camuflado tem um estilo parecido com o Qin recém-lançado. Ele apresenta desenhos novos de para-choques, enquanto a linha de vidros e a cintura da carroceria parecem muito com o sedã de luxo Han.

Derivado da linha Dynasty e não da Ocean de carros mais compactos, o Qin L tem 4,83 m de comprimento, 1,90 m de largura e 1,49 m de altura, com um entre-eixos generoso de 2,79 m. O Qin L é um pouco maior, com 12 cm a mais de comprimento em comparação com o Qin Plus.

Por dentro, há uma nova linguagem mais esportiva, com uma ampla tela digital e uma multimídia grande e giratória, combinada com um console central elevado e botões mais esportivos do que os do Qin Plus.

O site afirma que o conjunto mecânico do Qin L é composto por um motor 1.5 turbo combinado com um motor elétrico de 160 kW, alimentado por baterias LFP (lítio ferro fosfato), e uma novidade: terá autonomia para rodar somente com o motor elétrico, sem gasolina.

Segundo a imprensa chinesa, serão oferecidas duas versões com bateria de 10 kWh, para até 60 km, e 15,8 kWh, para rodar até 90 km. O preço não deve superar os US$ 17 mil, cerca de 30% menos do que custa um Toyota Corolla nos Estados Unidos.

Vale lembrar que esta é uma nova geração do propulsor híbrido DMI da BYD. Esse mesmo motor tem chance de estrear no Song Plus, que também conhecemos no Brasil e lidera as vendas de crossovers híbridos por aqui. E o Qin Plus deverá chegar a todos os mercados onde a BYD atua e onde o Toyota Corolla tem uma certa supremacia entre os sedãs combinados com motorização híbrida.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui