Circuito Mundial de Surfe chega à praia de Itaúna, em Saquarema

0
11
circuito-mundial-de-surfe-chega-a-praia-de-itauna,-em-saquarema
Circuito Mundial de Surfe chega à praia de Itaúna, em Saquarema


Logo Agência Brasil

Os principais do surfe mundial estão no Brasil, pois, a partir do próximo sábado (22), a praia de Itaúna, em Saquarema, no Rio de Janeiro, será palco da 8ª etapa do Circuito Mundial de Surfe. Na competição, cuja janela de disputas irá até o dia 30 e junho, a equipe brasileira será formada pelo campeão olímpico Italo Ferreira, o tricampeão mundial Gabriel Medina, além de Yago Dora, João Chianca, Samuel Pupo, Tatiana Weston-Webb, Luana Silva, Tainá Hinckel e Sophia Medina.

Notícias relacionadas:

“Sem dúvida, é o momento que esperamos bastante, de competir no Brasil, poder estar próximo da nossa torcida, nossa família, amigos e quero parabenizar toda a equipe que organiza esse evento, porque realmente vocês fazem um trabalho que eu posso tirar meu chapéu”, declarou Italo Ferreira em entrevista coletiva concedida na última quinta-feira (20) no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB).

Um brasileiro chega com uma pequena vantagem, a de surfar em uma onda que conhece desde a infância, João Chianca. “Acredito que a vantagem é de ser brasileiro, estar no Brasil, em casa, fazendo o que a gente ama. Eu sou uma pessoa nascida e criada em Saquarema, que teve a oportunidade de ver essa etapa quando era novinho, que sentava do lado da grade dos atletas, ver eles surfando as baterias e agora ter a oportunidade de competir naquele palco tão incrível. Eu fui esse cara, essa criancinha que corria atrás dos surfistas e hoje em dia estou podendo competir em casa, ao lado da família, dos amigos. Eu torço muito para que tenha boas ondas, porque o Circuito Mundial é um show à parte”, declarou o surfista, que também é conhecido como Chumbinho.

Na disputa feminina da etapa de Saquarema a equipe brasileira será formada por quatro nomes: Luana Silva, Tainá Hinckel, Sophia Medina e Tatiana Weston-Webb.

“O nosso povo é o melhor do mundo, tem muita paixão, muita alegria, muito calor na torcida. Isso faz toda a diferença e competir aqui no Brasil, para mim, é a melhor etapa, porque não é só um campeonato de surfe”, afirmou a surfista gaúcha, que é uma das representantes do Brasil no torneio olímpico de surfe, que será disputado nos tubos de Teahupo´o (Taiti).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui